Formulário de Contato

Aplicativo de vigilância participativa contribui com o enfrentamento da covid-19 no DF

Aplicativo de vigilância participativa contribui com o enfrentamento da covid-19 no DF

O Guardiões da Saúde é uma aplicação móvel para dispositivos gratuita, que tem por objetivo estimular a vigilância participativa em saúde. Criado em 2007 pelo Ministério da Saúde, seu objetivo era monitorar eventos de massa. Porém, seu uso começou a ser difundido nos anos de 2014 e 2016, com a Copa do Mundo FIFA e as Olimpíadas, respectivamente.

Hoje o aplicativo foi reformulado pela Associação de Profissionais de Epidemiologia de Campo (ProEpi) e Universidade de Brasília (UnB) para auxiliar na elaboração de soluções frente à COVID-19. Através dele, usuários podem registrar diariamente o estado de saúde e acompanhar, através do mapa da saúde, o estado de saúde de pessoas próximas, além de ter informações sobre medidas de biossegurança para evitar a transmissão do Vírus. O aplicativo é acessível para toda a comunidade e, para os estudantes da Universidade de Brasília, oferece 4 créditos de módulo livre como forma de incentivar a participação.

O aplicativo possui, hoje, mais de 21.000 usuários. Desse total, 2/3 são da Universidade de Brasília. Até o presente momento, já foram coletados mais de 950.000 registros de saúde.

O aplicativo é uma forma de cuidar de si e do outro: o aplicativo vai te orientar se é necessário ir ao hospital de acordo com seus sintomas e recomendar, a depender do seus sintomas, para evitar seus familiares e amigos possibilitando o bloqueio da cadeia de transmissão por COVID-19. Com o bloqueio da cadeia de transmissão, nós conseguimos diminuir a curva de contaminação – que é o que vem nos preocupando desde o início da pandemia.

Além disso, ao juntarmos os dados de uma região, saberemos o comportamento do vírus a ponto prever possíveis surtos e informar autoridades sanitárias a fim de propor políticas e intervenções em tempo hábil para que menos vidas sejam afetadas.

Como Universidade Pública, entendemos esse auxílio à comunidade não só como um dever cívico, mas também como um dos papéis da Universidade e dos alunos que dela fazem parte.

Hoje, há 21.450 guardiões com o aplicativo instalado. Em média, 11.500 usuários registram o estado de saúde diariamente. Desde o dia 10 de junho, data do lançamento oficial do app reformulado, soma-se 953.000 registros de estado de saúde. No tocante à gênero e raça, os dados são coletados semanalmente e podem ser conferidos em nossos Boletins Epidemiológicos e Institucionais.

Por isso, você, que está em isolamento social e deseja ajudar a sua comunidade de alguma forma, essa é a sua oportunidade! Quando você baixa o Guardiões no seu celular e registra os seus sintomas, está contribuindo para que os profissionais da área da saúde possam ter um padrão epidemiológico do novo coronavírus além de ficar sabendo quantas pessoas estão doentes na região que você mora.

Iniciada em Maio/2020, o Guardiões da Saúde UnB é a inciativa do GDS desenvolvida e mantida pelo corpo estudantil e letivo da Universidade de Brasília.

Instagram

Facebook 

Twitter – Guardiões da Saúde – UnB

Twitter Geral do Guardiões da Saúde 

Link dos Boletins Epidemiologicos

Link dos Boletins Institucionais

    • Categories: Notícias
    • Tags: corona virus, covid-19, df, distrito federal, notícias, pandemia, unb, universidade de brasília
Precisa da nossa ajuda?
A Sala de situação quer te apoiar a melhorar seu trabalho, conte conosco para fortalecer a vigilância em saúde em sua área de atuação.